Polícia desativa explosivos de alto poder de destruição no presídio de Imperatriz

Policiais militares do GOE desativaram os explosivos

No início da manhã da última segunda (28), o diretor do presídio do bairro Itamar Guará, na cidade de Imperatariz, entrou em contato com o Centro Integrado de Operações (CIOPS), comunicando que um dos detentos havia sido filmado pelo centro de monitoramento do presídio, saindo da cela portando um objeto não identificado.

Foram realizadas buscas no local e encontrado um artefato semelhante a explosivo. A guarnição do GOE 01 foi acionada e de imediato se deslocou ao presídio, onde foi comprovado que o objeto se tratava de 4,349 kg de emulsão explosiva.

Presídio do bairro Itamar Guará em Imperatriz

Onda de Choque

GOE constatou que o explosivo – que pode ser acionado por excitação adequada – ao detonar provoca pressões, temperaturas e gases, rompendo o invólucro e gerando onda de choque positiva e negativa com potencial de explosão.

Foi constatado ainda que a substância estava em condições para ser utilizada.  Após o isolamento da área, foi realizada a desativação do explosivo. O material foi entregue na Delegacia de Polícia Civil, para tomada das devidas providências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *