Filho mata o pai por causa de R$ 10,00 e enterra o corpo no quintal da casa, em Icatu

Mikon Soares Dias, de 32 anos, acusado de matar o pai

A população de Icatu ficou chocada pela crueldade que ocorreu no município da região do Munin, na tarde de terça-feira (07). Populares econtraram um corpo enterrado no quintal de uma casa no povoado Camboa. O corpo era do idoso Raimundo Santana Mendes Dias, de 68 anos, o “Pipoqueiro”, que estava desaparecido há três dias.

Segundo populares, “Pipoqueiro” teria sido morto  pelo próprio filho Mikon Soares Dias, de 32 Anos, residente na Rua São Miguel, povoado Camboa. que seria usuário de drogas . A vítima teria sido assassinado por  causa  de um empréstimo de R$ 10,00 negado ao filho. 

 

De acordo com a polícia, no momento da prisão, por volta de meio dia de quarta-feira, o assassino vinha do interior na garupa de uma motocicleta, objetivando fuga.  Quando percebeu a realização de uma blitz pela equipe de serviço, ele pulou do veículo e entrou no matagal chamado de Lixeirão.

A guarnição fez o cerco do local, sendo que a comunidade que estava bastante revoltada com o crime passou cercar também área.  Encurralado e com medo de ser linchado, ele resolveu se entregar.  Em seguida, ele foi conduzido à Delegacia Regional de Rosário para serem adotados as medidas cabíveis.

Veja o vídeo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *