Bebê de um 1 anos passa 3 dias ao lado do cadáver da sua mãe dentro de casa

Antes do crime, o marido dela teria dito que iria se matar.

Uma mulher de 38 anos foi encontrada morta na casa onde morava, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. O bebê dela, de pouco mais de um ano de vida, foi achado sozinho no local junto com o corpo da mãe.

A Polícia Civil informou que o marido dela, que não teve a identidade divulgada, é considerado suspeito de ser o autor do crime e está desaparecido. A vítima foi identificada como Shirley Souza.

A Polícia Civil está trabalhando já com essa hipótese de feminicídio. O companheiro dela que, em tese, foi quem acionou a polícia falando que ela teria se matado, não foi encontrado até agora. A equipe está no encalço, mas até o momento não foi localizado”, explicou à TV Anhanguera o delegado Maurício Passerini, que apura o caso.

Marido sumiu 

O Conselho Tutelar de Luziânia foi procurado para saber quais medidas foram tomadas em relação ao bebê, mas os responsáveis pelo caso não foram localizados.

A reportagem também tentou contato com o delegado, por telefone, entre 14h05 e 14h30, mas as ligações não foram atendidas, e as mensagens não haviam sido respondidas até as 15h03.

Uma parente da vítima disse à TV Anhanguera que tentou contato com o marido de Shirley várias vezes por mensagem, mas que ele respondeu apenas que iria se matar, sem dizer onde estava ou revelar qualquer outra informação. Indignada com o que aconteceu, ela também pediu por justiça. (G1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *