Polícia Federal desmonta quadrilha que traficava drogas sintéticas no Cohatrac, Vinhais e Quintas do Calhau

A Polícia Federal no Maranhão, por meio da Delegacia de Repressão a Drogas (DRE), deflagrou na manhã de terça-feira (16), em São Luís, a Operação “MD”, cumprindo 11 mandados judiciais. Houve também apreensão de um Citroen Aircross, grande quantia de dinheiro e diversas porções de LSD e Ecstasy.

Durante a operação, a PF cumpriu cinco mandados de prisões temporárias (quatro cumpridos em São Luís e um em Teresina) e seis de busca e apreensão, cumpridos em residências nos bairros Cohatrac V, Cohatrac IV, Quintas do Calhau e dois nos Vinhais.

A investigação identificou que o grupo criminoso é especializado na distribuição de drogas conhecidas como ecstasy e LSD, além de cocaína, skank e maconha, em festas na capital maranhense, especialmente em eventos de música eletrônica, onde há grande concentração de jovens.

Os envolvidos foram conduzidos à Superintendência de Polícia Federal no Maranhão e indiciados por tráfico de drogas e associação para o tráfico, crimes previstos nos artigos 33 e 35 da Lei no 11.343/06. As penas para esses crimes podem chegar a 15 anos de reclusão.

A operação foi batizada de “MD” em alusão às letras iniciais da substância (metileno-dióxido) que compõe o ecstasy. Dos quatro presos em São Luís, três foram presos em flagrante, sendo dois por porte de drogas sintéticas e anabolizantes e um por porte de cocaína. (Com informações do Gilberto Lima)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *