ASSISTA!!!! Moradora de rua é morta a tiros após pedir R$ 1 para comprar pão

A irmã da moradora de rua Zilda Henrique dos Santos Leandro, de 31 anos, morta em Niterói, Região Metropolitana do Rio, chegou na Divisão de Homicídios na manhã desta quarta-feira (20) chorando muito.

“Minha irmã só pediu R$ 1 para comprar pão. Ele ficou de graça, dizendo que iria dar um tiro nela. Ela falou que duvidava e foi atrás dele. Foi quando ele atirou”, disse a irmã da vítima que pediu para não ser identificada – ela disse ter medo de Aderbal Ramos de Castro, preso como autor dos disparos.

Segundo ela, ele trabalha como segurança no Centro de Niterói. “Minha irmã tinha casa, mas preferia ficar na rua. Nunca imaginei que algo parecido poderia acontecer com ela algum dia. Nossa família está arrasada”.

Hipótese de legítima defesa é ‘fantasiosa’

De acordo com o delegado Bruno Reis, que investiga o caso, Aderbal alegou que reagiu a uma tentativa de assalto, mas a polícia não acredita nessa possibilidade. “Pelo menos até agora, a hipótese alegada de legítima defesa é fantasiosa. No depoimento, ele disse que não sabia nem se a vítima era homem ou mulher. Apenas que se assustou por achar que seria assaltado e atirou”.

Ainda segundo Reis, Aderbal possui posse, mas não porte de armas. E, em função disso, não poderia estar armado na rua já que a posse de arma autoriza apenas ter arma em casa ou em local de trabalho.

“Ele confirmou que mantinha aquela arma em casa, mas que, naquele dia, decidiu levá-la ao trabalho porque tinha medo de ser assaltado no caminho”, explicou o delegado.

A polícia ainda destacou que Aderbal não era segurança de ruas do Centro de Niterói, como acredita a irmã da vítima, mas dono de um comércio na região. A polícia chegou a Aderbal por meio da utilização das câmeras do circuito de segurança da Prefeitura de Niterói. Ele não possui antecedentes criminais.

Vítima ficou caída na rua

Zilda, que é conhecida como Néia, foi morta no sábado (16), no meio de uma rua no Centro do município. Imagens gravadas por câmeras de segurança da região mostram o momento em que ela aparece falando e gesticulando e caminha na direção de um homem que passa pelo local. Ele tenta desviar, mas Néia o acompanha.

Em seguida, o homem saca a arma e dispara, pelo menos, duas vezes em direção à mulher. Depois disso, ele sai andando com a arma na mão enquanto a vítima fica caída no meio da rua.

Aderbal está preso na Delegacia de Homicídios de Niterói. Ele disse para a sua advogada de defesa que reagiu a uma tentativa de assalto. Após ser baleada, Néia chegou a ser socorrida pelos bombeiros para o Hospital Estadual Azevedo Lima, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Confira o vídeo: 

Fonte: G1

VÍDEO! Bandido tenta roubar moto de mulher na Cohab e acaba baleado por policial à paisana

A Polícia Militar (PM) informou que na manhã desta quarta-feira (20), um homem  identificado como André Silva Melônio tentou roubar a moto de uma mulher na Cohab, no momento que ela tentava estacionar na fente ao Curso Florense, atrás do Terminal da Integração.

Segundo a PM, portando um revólver calibre 32, o assaltante abordou a mulher e a obrigou a entregar a moto Honda Fan, de cor vermelha, mas acabou sendo baleado por um desconhecido, que, segundo informações, seria um policial à paisana, no Posto Itapiracó.

Uma equipe do Serviço Móvel de Urgência (SAMU) foi local e levou o homem para hospital Socorrão II, onde ele está sendo operado.  A mulher dona da moto foi ao Plantão Central do Cohatrac para recuperar o veículo e registrar queixa contra o assaltante.

Confira o vídeo: 

URGENTE! Detento é morto a tiros na Rua dos Afogados, no Centro de São Luís

A Polícia Militar (PM) informou que um homem identificado como José Cirilo Sales Figueiredo, de 24 anos, foi morto a tiros na manhã desta quarta-feira (20) na Rua dos Afogados, em São Luís. Segundo a polícia, ele estava cumprindo pena em regime semiaberto.

O crime ocorreu em frente à Casa de Assistência do Albergado e Egresso, onde os presos que cumprem regime semiaberto são abrigados. O detento estava saindo quando foi surpreendido por criminosos e atingido com cerca de seis disparos de armas de fogo

ÚLTIMO DIA DA PENA 

Segundo informações da Polícia Militar, José Cirilo Sales Figueiredo cumpria prisão em regime semiaberto e estava saindo do local para pegar uma moto, quando fol alvejado a tiros . Hoje ele cumpriria a pena e seria colocado em liberdade mas acabou sendo morto.

Os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel Urgente (Samu) foram acionados, mas José Cirilo já estava sem vida. A polícia esteve no local para tomar as providências necessárias e tentar localizar os responsáveis pelo assassinato do detento.

Mulher se joga na frente de ônibus e morre atropelada em avenida de São Luís

A Polícia Militar (PM) informou que uma mulher identificada como identificada como Maria Antônia de Sousa Gomes, 50 anos de idade, conhecida como “Dona Preta”, morreu após ser atropelada por um ônibus na tarde de terça-feira (19).  O acidente aconteceu na avenida Presidente José Sarney, na Vila Itamar, em São Luís, perto da BR-135.

Segundo da PM, Maria Antônia estava ingerindo bebida alcoólica desde o fim da manhã de ontem e, quando ela voltava para casa, acabou se jogando embaixo de um ônibus, que faz a linha Vila Itamar e seguia para o centro da cidade. O motorista não conseguiu desviar. Após o acidente, o motorista do coletivo fugiu do local, temendo ser agredido

Segundo a família, não havia indícios de que Maria Antônia sofresse depressão ou algum outro tipo de transtorno, que justifique ela supostamente ter se jogado na frente do ônibus. O corpo de “Dona Preta” foi removido do local por uma equipe do Instituto Médico Legal (IML). O motoristas do ônibus deve se apresentar à polícia para prestar esclarecimentos.

ASSISTA! Ex-membro de facção aceita Jesus antes de morrer em São Luís

Um ex-membro de uma facção identificado com Luan Alexandre da Silva, que residia no bairro Bequimão, foi alvejada com oito tiros na manhã desta terça-feira (19), na avenida Jerônimo de Albuquerque, na Curva do 90, em São Luís.

Ferido e esperando por socorro médico, o jovem aceitou Jesus antes de morre, a cena foi gravada por uma pessoa que esteve no local.

Na gravação, as pessoas se aproximam do jovem agonizando após ser baleado e um deles pede para que ele aceite Jesus antes de morrer. Em seus últimos segundos de vida, ele ergue os braços e diz que “sim”.

A polícia informou que Luan Alexandre já havia sido membro de uma facção criminosa de São Luís, o que pode ter relação com o homicídio. Até o momento, os autores dos disparos ainda não foram identificados. A polícia vai investigar o crime.

VEJA O VÍDEO:

Com informações do portal Enquanto Isso no Maranhão

Morador do bairro Bequimão é morto com oito tiros na Curva do Noventa

A companheira de Luan ficou em estado de choque

A Polícia Militar do Maranhão (PM) informou que um homicídio foi registrado na manhã desta terça-feira (19), na avenida Jerônimo de Albuquerque, na Curva do 90, em São Luís. A vítima, identificada como Luan Alexandre da Silva, que residia no bairro Bequimão, em São Luís, foi alvejada com oito tiros que acertaram a região do tórax e abdômen.

Luan morava nos prédios inacabados no Bequimão

De acordo com informações da Polícia Militar do Maranhão, Luan Alexandre da Silva, acompanhado de uma mulher ainda não identificada, estavam caminhando em direção a Central de Monitoração Eletrônica, localizada na avenida Jerônimo de Albuquerque.

O crime atraiu dezenas de curiosos na Currva do Noventa

Segundo a Polícia Militar, os dois foram surpreendidos por dois homens que estavam em  uma motocicleta que começaram a atirar em direção a vítima. A mulher correu e não foi atingida pelos disparos. Já Luan Alexandre foi alvejado com oito tiros.

Médica que passava pelo local ainda tentou socorrer Luan Alexandre

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda chegou a ser acionada, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Segundo informações da polícia, uma médica que passava pelo local ainda tentou socorrer Luan Alexandre, porém, sem sucesso.

Equipes do Samu tentaram salvar Luan mas não adiantou

A polícia informou que Luan Alexandre já havia sido membro de uma facção criminosa de São Luís, o que pode ter relação com o homicídio. A polícia vai investigar o crime. Nas redes sociais, integrantes de facções rivais divulgaram vídeos soltando fogos de artifício em comemoração pela morte da vítima.

Confira o vídeo:

Idosa de 92 anos doente de alzheimer é estuprada pelo vizinho de 73 anos em São Luís

Caso foi descoberto após a família da vítima ter instalado uma câmera de celular escondida. O suspeito de cometer o crime José Ribamar Sousa, de 73 anos, está foragido da polícia.

O suspeito de 73 anos, foi flagrado abusando sexualmente da idosa de 92 anos em São Luís (MA) — Foto: Reprodução/TV Mirante

Um homem identificado como José Ribamar Sousa, de 73 anos, está sendo procurado pela polícia por suspeita de estuprar uma idosa de 92 anos, no distrito de Tajaçoaba,  na zona rural de São Luís. De acordo com familiares da vítima, José Ribamar era vizinho da idosa e costumava insistir para cuidar dela quando a família não estava por perto.

A família desconfiou do que acontecia na residência porque a idosa ficava agitada todas as vezes que o vizinho chegava perto dela. Por conta disso, a neta da vítima instalou uma câmera escondida na casa que flagrou José Ribamar abusando sexualmente dela. Em seguida, a denúncia foi feita e o material foi entregue à polícia e ao Ministério Público do Maranhão (MP-MA).

Idosa passava o dia todo em casa deitada em um sofá — Foto: Reprodução/TV Mirante

O caso aconteceu em julho e depois que foi descoberto, José Ribamar fugiu. Na fase de investigações, a polícia pediu a prisão preventiva do suspeito. O Ministério Público do Maranhão (MP-MA) denunciou o suspeito pelo crime de estupro de vulnerável e reforçou o pedido de prisão preventiva feita pela Polícia Civil.

“Nós estamos oferecendo a denúncia para o crime de estupro contra uma pessoa vulnerável, ou seja que não pode oferecer resistência. Assim como os crimes de maus tratos previsto no Estatuto do Idoso e estamos reforçando o pedido de prisão preventiva solicitada pela autoridade judicial”, explicou o promotor.

José Ribamar Sousa está foragido da polícia desde a data do crime. — Foto: Reprodução/TV Mirante

A idosa sofre de alzheimer, uma doença degenerativa que afeta principalmente a memória, além de outros sintomas e alterações no comportamento que se agravam ao longo do tempo. Além disso, a a vítima tem dificuldades de locomoção, por essa razão passa o dia deitada. Por conta disso, nunca comunicou nada para a família.

“Diante da enfermidade que ela está acometida, ou seja, um alzheimer em um estado bem avançado demonstra claramente, as imagens mostram isso, que ela não poderia oferecer qualquer tipo de resistência a aquele abuso sexual no qual ela foi vítima. Ela demonstra uma angústia, se verifica que ela fica agitada, muito agitada, isso tem consequências para agravar o estado de saúde dessa pessoa idosa que inclusive já usava fraldas, não se locomove, além de causar um impacto muito forte aos seus familiares. É um crime grave, um crime que não pode ficar impune, essa pessoa tem que ser localizada, tem que responder perante a justiça”, disse Augusto Cutrim, promotor do idoso.

Ministério Público do Maranhão (MPMA) pediu a prisão preventiva do suspeito de abusar sexualmente de idosa no MA — Foto: Reprodução/TV Mirante

De acordo com o Augusto Cutrim, o caso reforça que qualquer mulher independente da idade pode ser vítima de abuso sexual e que grande parte desses crimes são praticados por pessoas muito próximas da vítimas.

“Um idoso de 73 anos que praticou o abuso sexual. Isso quebra um mito de que a pessoa idosa, principalmente a mulher, ela não pode ser vítima de abuso sexual. Esse caso relata de forma clara que sim uma pessoa idosa, uma mulher idosa, que não pode oferecer nenhuma resistência ela pode ser abusada sexualmente e mais uma vez se confirma que grande parte desses delitos são praticados por pessoas muito próximas que no caso, era um vizinho”, concluiu.

Fonte: G1MA

Radialista evangélico é assassinado com tiro de espingarda no Maranhão

O  radialista Benedito Carlos Alves Nascimento, de 41 anos, foi morto com um tiro de espingarda no peito. O crime ocorreu na madrugada desta segunda-feira (18), por volta das 5h, na rua Maria dos Reis, 1443, bairro Santo Antônio, em Codó, interior do Maranhão.

Segundo informações da Polícia Militar, o radialista Benedito Carlos apresentava o programa “A Voz da Assembleia de Deus”, na Rádio Eldorado AM de Codó, de segunda a sexta-feira, das 11h às 12h.

Antonio Pereira Vaz, o “Toinho” está foragido

A esposa da vítima relatou aos policiais militares que o principal suspeito de cometer o crime é vizinho deles, Antonio Pereira Vaz, o “Toinho”. O motivo, segundo ela, foi porque “Toinho” sentiu ciúmes da amizade que o radialista tinha com uma mulher vizinha dos dois.

A Polícia Militar já está com a arma usada no assassinato e fazendo buscas na região, mas o suspeito ainda não foi encontrado. O corpo da vítima foi removido para o Morgue do Hospital Geral Municipal (HGM).

Pai de santo é assassinado a tiros dentro de sua casa em São Luís

O Pai de Santo Francisco José Santos Silva, de 56 anos, foi assassinado a tiros na noite de sábado (16), por volta das 21h30, em sua residência, na Avenida Principal do Tajaçuaba, na Vila Magril II, nas proximidades da Agrolusa. Na ação criminosa, um amigo da vítima, Sérgio Bastos, residente na Rua dos Índios, em Tajaçuaba, tentou interferir, mas foi contido pelos bandidos.

Segundo informações da polícia, Francisco Silva estava sentado em uma cadeira quando foi surpreendido pelos assassinos, ainda não identificados, que dispararam vários tiros. Ele não teve tempo de reação e morreu na cadeira.

Sérgio Bastos se abraçou com a vítima, numa tentativa de evitar o homicídio, mas foi retirado pelos assassinos à base de coronhadas na cabeça. Após o crime, os assassinos fugiram em uma motocicleta de placa e modelo não identificados.

Desde o momento que chegou ao local do crime, a polícia passou a realizar rondas com a intenção de localizar os assassinos, mas, até o momento, sem êxito. No local, impera a lei do silêncio. Mesmo que tenham testemunhado o crime, as pessoas têm receio de falar, com medo de represálias.

A partir das informações passadas por Sérgio Bastos, a polícia espera chegar aos criminosos. O crime tem características de acerto de contas ou de pistolagem, por encomenda. A ação de facções criminosas é intensa nessa área. Uma equipe da perícia do ICRM esteve no local e o corpo foi removido para o Instututo Médico Legal (IML). (Gilberto Lima)

Casal acusado de estupro é preso após filha se suicidar no interior do Maranhão

Crime foi descoberto em uma carta deixada pela vítima, que afirma que era violentada sexualmente desde os 15 anos. Casal foi preso no município de Governador Newton Bello.

Edmar Cavalcante Neves, de 46 anos e Rosinete Lima Neves, de 40 anos, foram presos no município de Governador Newton Bello, localizado a 280 km de São Luís, por suspeita de abusar sexualmente da filha Érica Neves, de 19 anos.

O crime foi descoberto em uma carta deixada pela adolescente, que recorreu ao suicídio. Na carta, Érica Neves contou que era violentada desde os 15 anos de idade, sendo forçada a beijar e manter relações sexuais com pai e segundo a vítima, a mãe sabia do que acontecia.

A denúncia foi feita na Delegacia da Mulher do município de Zé Doca e os suspeitos foram chamados para prestar depoimento. Os celulares da adolescente e do casal foram apreendidos, e o crime ficou constatado por meio da troca de mensagens feita em um aplicativo.

A prisão dos suspeitos pelo crime de estupro qualificado foi concedida após a decisão da Justiça do Maranhão. Em seguida, Edmar Cavalcante Neves foi encaminhado para o presídio de Zé Doca e Rosinete Lima Neves para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde aguardam julgamento. (G1MA)