Senador Edison Lobão pode ficar de fora da campanha ao Senado Federal

O Senador Edison Lobão na “Caravana da Guerreira”

Por Suêlda Santos

O senador licenciado Edison Lobão (MDB), que acompanhou a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) na denominada “Caravana da Guerreira”, que percorreu 30 municípios maranhenses, pode ficar fora da campanha para conquistar mais um mandato no Senado Federal.

Apesar de já estar com mais de 81 anos, durante a “Caravana da Guerreira” o senador Edison Lobão demonstrou disposição para a corrida eleitoral, surpreendendo até os adversários políticos, e mostrado que estava pronto para garantir uma das duas vagas ao Senado pelo Estado do Maranhão nas eleições de outubro de 2018.

Até hoje pela manhã, o senador Lobão ainda estava internado em Brasília, devido a um trauma no fêmur esquerdo. Segundo boletim médico divulgado na segunda-feira, 19, pelo Hospital Santa Lúcia, o senador Edison Lobão foi submetido a uma cirurgia ortopédica para correção da fratura, causada por uma queda em restaurante de Brasília.

De acordo com o comunicado do Hospital Santa Lúcia, o procedimento cirúrgico foi bem sucedido e o quadro é “estável”. Mas, depois de receber alta, o senador Lobão certamente será aconselhado a ficar em repouso por um longo período.  Afinal, o senador foi submetido a uma grande cirurgia ortopédica e precisa de cuidados especiais.

Os médicos alertam que o tempo de recuperação total de uma fratura pode durar mais de seis meses. As crianças recuperam-se em até de 2 meses. Já os idosos e podem levar até 1 ano para se recuperar completamente, especialmente de fratura no fêmur. Mas se Lobão ao seguir as recomendações médicas, sua recuperação pode ser muito rápida.

Alta e retorno ao mandato

Conforme foi noticiado pela imprensa no dia de ontem, Lobão terá alta hoje (22), depois quatro dias internado para operar uma fratura no fêmur. O senador caiu num restaurante no início da semana. Apesar da idade, Lobão apresenta uma boa evolução e deve ser liberado pelos médicos para concluir a primeira fase da recuperação em sua casa.

Aos mais próximos, o senador Edison Lobão Lobão teria confessado a intenção de retornar imediatamente ao mandato, no inicio de abril, quando termina seu atual período de licença. O suplente, Pastor Bel, de Poção de Pedras, está no mandato e queria  permanecer no cargo por mais tempo. O senador não falou na campanha ao Senado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.