Polícia apreende o cofre da Câmara Municipal de Codó e documentos na casa do presidente

O cofre e os documentos apreendidos pela Polícia Civil

Uma equipe da Polícia Civil, comandada pelos delegados Zilmar Santana, Fábio Cordeiro e Alcides Nunes Neto, cumpriu 7 mandados de busca e apreensão na casa do presidente da Câmara de Codó, vereador Expedito Carneiro, e em mais de cinco residências de funcionários do parlamentar.

De acordo com informações da Polícia Civil, o Setor Financeiro da Câmara Municipal de Codó também foi alvo da operação. De lá, os policiais civis levaram diversos documentos contábeis e até o cofre do poder Legislativo municipal.

O delegado Zilmar esclareceu que se trata de uma investigação, deflagrada pelo Ministério Público Estadual, que expediu as ordens de busca e apreensão. Os documentos serão analisados pela promotora, Linda luz Matos Carvalho.

Segundo o delegado, o Ministério Público Estadual está encontrando dificuldades para fiscalizar a execução do orçamento da Câmara Municipal de Codó, que movimenta R$ 360.000,00, por mês, e precisa prestar contas com a população.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.