Advogada Ludmila Ribeiro repudia a decisão do TJ/MA que livrou irmão de prefeito da cadeia

Lúcio Genésio espancou Ludmila e se livrou da cadeia

A advogada Ludmila Ribeiro usou as redes sociais para repudiar a decisão do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ/MA), que concedeu habeas corpus ao irmão do prefeito de Pinheiro. Lúcio Genésio é acusado de agredir e tentar  atropelar a ex-esposa, em um condomínio, em São Luís. A decisão foi proferida na terça-feira (3), pelos desembargadores Antonio Bayma Araújo e Raimundo Nonato Melo.

O empresário Lúcio Genésio – acusado de espancar, a socos e pontapés, a advogada Ludmila Ribeiro – já teve a prisão decretada em São Luís e na cidade de Pinheiro, e estava a mais de 100 dias foragido da Justiça, em local desconhecido. Com a decisão da 1ª Câmara Criminal do TJ/MA, Lucio Genésio poderá reaparecer e responder ao processo em liberdade. A decisão do Tribunal foi considerada um atentado contra as mulheres.

Veja o desabafo:


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.