Pai de atacante do Corinthians é preso com 15 quilos de maconha e crack

Aloísio Antônio e o filho Gustagol compartilharam uma foto na internet

Na manhã desta sexta-feira (20), a Polícia Civil de São Paulo apreendeu um homem com mais de 15kg de maconha na cidade de Registro, no interior paulista. O suspeito foi identificado como Aloisio Antonio, de 43 anos, pai do atacante Gustavo Henrique, o Gustagol, jogador do Corinthians emprestado ao Fortaleza.

De acordo com a Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) do Vale do Ribeira, Antonio virou suspeito após uma denúncia, que levou a polícia a uma casa no bairro Jardim São Paulo. Na posse de Antonio, 12 tijolos de maconha e oito porções de crack, todos prontos para comercialização.

Aloísio confessou à polícia que pretendia vender a maconha e o crack

Questionado pelos agentes, Antonio admitiu que pretendia vender as drogas e foi preso em flagrante por tráfico de entorpecentes. Após ser detido na sede da Dise, Antonio foi encaminhado para a Cadeia Pública da região e está á disposição da Justiça.

Fonte: Lance

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.