Polícia Civil prende bandidos que mataram e esquartejaram colega que foi para facção rival

A Polícia Civil do Maranhão informou que prendeu Sidney Maramaldo Amorim, José Raimundo Maramaldo e de Jefferson Azevedo Vieira, o “Gegê”, (este já preso no Sistema Penitenciário de Pedrinhas, por tráfico de drogas e associação para o tráfico) e Darlison Sousa dos Santos.

Segundo a polícia, as prisões tiveram origem depois da morte de Wildson Baldez, mais conhecido como “Billidow”, morto no dia 17 de outubro de 2017, na Vila Nova República. Wildson foi encontrado na Vila Guará, com os braços e cabeça removidos do corpo.

Com a apuração da polícia, foi constatado que Wildson Baldez era membro de uma facção criminosa e resolveu sair dela para outra facção rival, irritando Jefferson, que seria um dos líderes de outra facção criminosa que controla o povoado denominado Itapera.

Tribunal do crime

Jefferson teria dado ordem para outros líderes da mesma facção, na Vila Nova República, para sequestrar ” Bilidow’ e submetê-lo a um tribunal do crime.  Jefferson está preso na Penitenciária de Pedrinhas, desde o ano passo, por porte ilegal de arma de fogo.

A equipe conseguiu ainda identificar os líderes da Vila Nova República os irmãos Sidney Maramaldo Amorim e José Raimundo Maramaldo, que possuem diversos endereços no Maracanã. Além de já terem, cada um, cinco passagens pelo sistema prisional.

Darlison foi preso com drogas na boca e em casa. A polícia achou ainda caderneta com nomes de membros da facção criminosa. Nas anotações aparecem Sidney e José Maramaldo, como chefes da organização. Darlison estava na condição de disciplinador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.