Preso suspeito de matar caminhoneiro com uma pedrada na cabeça durante manifestação

Willians Maciel Dias se entregou à polícia

Um homem identificado como Willians Maciel Dias se entregou à Polícia Civil na tarde desta quinta-feira (7), em Vilhena (RO), suspeito de ter assassinado, com uma pedrada,  o caminhoneiro José Batistela. O caminheiro foi atingido com uma pedrada de 1kg na cabeça perto de um ponto de manifestação de grevistas na BR-364, em Vilhena, no último dia 30.

caminhoneiro José Batistela morreu tragicamente

Desde o dia em que o caminhoneiro foi morto com a pedrada na cabeça, testemunhas confirmaram a participação do suspeito, sendo uma delas a própria esposa do homem. A investigação aponta que o veículo utilizado no momento do crime é do suspeito. O carro foi apreendido na casa de Willians.

José Batistela morreu na cabine do caminhão

Testemunhas relataram à PRF que o veículo da vítima estaria estacionado às margens da rodovia, quando um carro de passeio passou perto do caminhão e uma pedra foi arremessada contra o parabrisa, que atravessou o vidro e atingiu a cabeça da vítima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.