Transexual assume aparência de dragão e diz que é filha de uma cobra cascavel

Eva Tiamat Medusa, de Bruni, Texas, gastou mais de US $ 60.000 (£ 42.000) para se assemelhar a um dragão, com uma língua bifurcada, escamas tatuadas e oito ‘chifres’ em sua cabeça.

Eva Medusa. Esse é o nome da transexual mais modificada do mundo. Mudar de sexo e ter uma silhueta feminina não foi o suficiente para Eva. Ela queria ficar parecida com um dragão e, hoje, é conhecida como Lady Dragon (Senhorita Dragão).

“Antes da minha transformação, eu era vice-presidente de um grande banco nos Estados Unidos. Saí porque tinha HIV e achei que fosse morrer”, declarou a americana ao jornal The Sun. Mas Eva não morreu; pelo contrário, ela se sente renascida desde que foi abandonada pelos pais, aos 5 anos. Logo após o incidente, a transexual assumiu outra mãe: uma cascavel.

Porém, para adquirir a forma atual, Eva foi submetida a muitos procedimentos. Mudou o desenho do nariz, fez uma longa fenda na língua, implantou oito chifres para ficar parecida com um dragão, retirou a cartilagem das orelhas e tatuou os olhos de verde. Ela fez do corpo uma obra-prima.

Eva Medusa, que já gastou R$ 270 mil com a transformação, declara que ainda não se sente completa. Portanto, ela reservou outros R$ 180 mil para concluir as mudanças. “Há razões profundas e sérios significados para a minha transformação. Tenho duas mães: uma biológica e um réptil. Espero que minha história ajude as pessoas”, conclui.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.